Liderança: conheça as características do líder inspirador

O perfil do líder é um dos assuntos mais debatidos dos últimos tempos entre gestores. Em diferentes instituições e organizações, as pessoas se propõem a buscar a definição mais coerente de liderança e, principalmente, o caminho para construí-la. A verdade é que precisamos, primeiro, entender que liderança tem, sim, a ver com chefia, mas esta última é só um resultado. Muito além de ter conexão com um cargo ou uma posição, a liderança está estreitamente ligada ao encantamento e à gestão de pessoas.

Para ser um bom líder, desde o princípio da jornada, é preciso caminhar com a convicção de que sozinho não se chega a lugar nenhum. A liderança exige uma habilidade, na maioria das vezes nata, um tato especial que nos permite lidar com as pessoas e engajá-las. Com gentileza, comunicação, autoconfiança, conhecimento, visão, um líder é capaz de conquistar as pessoas pelas suas características e pela sua postura. Quando as pessoas nutrem admiração pelo líder, fica mais fácil conquistá-las e, assim, convidá-las para trabalhar, lado a lado, em busca de um objetivo comum. O seu carisma e a sua facilidade de se relacionar com as pessoas também o levam a tornar-se popular e especial.

Dentre tantas definições possíveis, podemos atribuir uma versão quase poética à liderança: trata-se da “arte de encantar pessoas”. Tal expressão lança luz sobre o conceito e deixa claro que liderança requer empatia e sensibilidade.

O perfil do líder de sucesso é sensível às pessoas e às causas e, aos poucos, aprende a trabalhar com as necessidades e os anseios das pessoas e com o propósito e os objetivos do grupo, motivando-os a seguir em frente.

Como bem lembra Mário Sérgio Cortella, a liderança nos exige extrapolar a fronteira do óbvio e ir além: é o líder que mostra para as pessoas que é possível romper a fronteira alienante do “sempre foi assim”, fazer diferente e buscar a excelência. A liderança desafia as pessoas a se tornarem melhores: mais autoconfiantes, mais seguras, mais corajosas, mais competentes, mais sonhadoras. Calma! Não se trata de formar super heróis, mas, sim, de incentivar as pessoas a desenvolverem habilidades importantes. Um bom líder, no dia a dia, tem condições de conduzir, com tranquilidade e naturalidade, a formação de novos líderes.

Saber nutrir a sua ambição e, também, incentivar cada um a ser ambicioso na dose certa é outro desafio da liderança. O perfil do líder inspirador é alguém que traz consigo uma insatisfação positiva e, por isso, luta para conquistar mais saúde, mais conhecimento, mais conforto, mas não apenas para si. Sabendo das necessidades das outras pessoas e do grupo, o líder também sabe instigar a ambição positiva nas pessoas, lembrando que elas podem (e devem), sim, traçar um projeto para crescer, e, ainda, ambicionar conquistas coletivas tais como: um ambiente de trabalho agradável, resultados mais positivos, equipe fortalecida. Para Cortela, um líder deve construir sua capacidade ambiciosa, vislumbrando o bem coletivo e, principalmente, rejeitando a ganância e o egoísmo.

Com um perfil de líder inspirador, sensível, empático e inovador, ao acreditar nas pessoas e compartilhar suas ideias com elas, o gestor passa a contar com a contribuição delas, promovendo um engajamento que fortalece o seu propósito, amplia sua força de trabalho e conquista novos sonhadores visionários. Um líder inspiracional sabe incentivar o crescimento individual e coletivo de um jeito formal e leve ao mesmo tempo, sem pressão, mas com sentido! É isso: um líder ajuda as pessoas a atribuírem sentido à sua caminhada, saindo da mediocridade e explorando um ‘mundo novo’.

Preparamos um material especial para orientá-lo neste desafio da liderança, baixe já o e-book!

perfil do líder